Slide

domingo, 21 de março de 2010

Sobrenatural - Supernatural


Minha primeira Fanfics espero agradar... Escolhi a série Sobrenatural porque sou uma grande fã e essa é uma das series de maior sucesso, e além do mais sonhei com essa historia, ou melhor parte dela.


imagem6.PNG (186×63)



Sam e Dean continuam na estrada. O Dean para variar ouvindo um  rock que ele curte "In My Time of Dying" e dirigindo o seu adorado Chevy Impala 1967, já o Sam para variar está no computador, pesquisando sobre um trabalho para eles resolverem.
- Iai Sammy? Achou algo que vale a pena?
- Em San Angelo, está acontecendo casos de pessoas que estavam bem e de uma hora para outra começaram a ficar muito fracas.
- Você acha que pode ser outro vírus demoníaco?
- Não sei... acho melhor nos irmos checar, é melhor não arriscar, você lembra da ultima vez.
- É difícil esquecer...
Após essas ultimas palavras o Dean aumentou o volume do som, que já havia trocado de música, e Sam ficou com o olhar vago lembrando-se do dia em que ele descobriu que o vírus demoníaco não o afetava. O resto da viagem foi regada pelo silêncio. Ao chegar a pequena cidade, Sammy e Dean   foram ao hospital disfarçados de parentes para poder saber mais sobre essa tal doença.
- Bom dia, eu gostaria de saber mais sobre essa epidemia.- o Dean era praticamente um ator
- Sinto muito, senhor mas estou proibida de falar sobre essa doença.
- A senhora não esta entendendo - interrompeu Sam - Meu pai esta se sentido muito mal e pode ser essa doença ...- uma mulher vestida o uniforme do hospital interrompeu o Sammy
- Kris, pode deixa-los entrar.
- Mas doutora, o Dr. Look disse que não era para que eu falasse nada sobre essa doença.
- E você não vai falar, que conversará com eles sou eu.
- Tudo bem doutora, mas a responsabilidade é sua...
- É claro, Kris, agora dirigindo-se aos Winchester, venham comigo. Eles meio sem entender mas não deixando a dúvida transparecer seguiram a doutora. Ao chegarem em uma sala, que ela trancou a porta após entrarem, o Sammy voltou a falar.
- Como eu dizia a sua secretaria doutora...?
- Marianne.
-Certo Dr.ª Marianne, meu pai está muito mal e nós suspeitamos que possa ser essa doença.- após ouvir essa frase ela começou a rir. Dean e Sam se olharam.
- Oh desculpe-me, mas acho muito difícil imaginar o John, com esta doença.- Os Winchester ficaram surpresos e sem reação imediata - vamos lá como se eu não conhecesse os famosos Winchester.
Dean pegou sua arma colocou a sobre a mesa, apontada para a medica e já engatilhada.
- Como sabe quem somos?
- Velha historia, o John me salvou e me ajudou a encontrar alguém que me ajudasse com meus... acho que dons.
- Explique.
- Prevejo o futuro e foi o pai de vocês que me ajudou a descobrir como fazer isso, se quiserem podem ligar para o Bobby ele sabe o que digo. Dean pegou o telefone e ligou para o Bobby e perguntou se sabia algo sobre a doutora, o Bobby lhes disse que sabia da historia e que ela poderia ajuda-los muito nesse trabalho.
- Agora acreditam?
- Ok, mas fala aí o que acontecendo nessa cidade?- o Sammy perguntou isso a Marianne enquanto o Dean guardava a arma.
- Bom pelo que tenho visto é um fantasma que está causando isso.
- Uma doença fantasma? - perguntou Sammy
- Não acho que ele está sugando as energias vitais das pessoas, essas são minhas pesquisas. Disse enquanto mostrava aos garotos um arquivo em seu laptop. Havia varias coisas, entre elas uma matéria de jornal, dizia que o medium Carlos Victor Kellbe estudava sobre a energia vital humana e como controlada, mas houve um grave acidente e ele desapareceu, sua morte nunca foi confirmada, havia também uma fotografia:
 Após lerem o texto, Sam e Dean foram a prefeitura para descobrir mais sobre esse homem, se passaram por historiadores. Eles voltaram para o hotel em que estavam hospedados o hotel Apple Red. Estudando os arquivos com ajuda da doutora, o Dean mostrou a eles que havia encontrado mais sobre o cara e sua morte, falava que ele tinha sido empurrado por um homem, para dentro de um buraco pois a população estava com medo do que ele era capaz, por isso ainda colocaram uma pedra na boca do poço. Sam e Dean foram para o poço queimar os restos do fantasma e a Marianne foi olhar os pacientes e em seguida iria para lá encontra-los.
Dean e Sammy chegaram ao local, o Sammy começou a descer no poço, ainda na borda.
- Ainda não acredito que perdi, no jogo da tesoura.
- Vamos Sammy desça logo e deixa de frescura.
- Hei, se é frescura porque você não desceu?
- Porque eu ganhei.
- A essa é boa.
O fantasma a pareceu e fixou seus olhos no Dean, que se virou.
- Sam... - o Dean ficou sem forças
- O que foi Dean? O Sam começou a sair do poço, quando lançou seu olhar na direção do Dean e o viu no chão e uma luz saindo dele e indo para o fantasma que parecia ficar cada vez mais forte. O Sam tentou impedir, mas o fantasma começou a sugar a vida dele também. Nesse momento os Winchester estavam quase sem forças, apareceu uma van preta, foi a ultima coisa que os Winchester viram. 
O Dean começa a abrir os olhos, e vê que esta em um quarto de hospital olha para o lado e vê o Sam.
- Sammy... onde estamos- ele pergunta, mas o Sam esta apagado na outra cama. Neste momento entra Marianne.
- Olha, olha o garotão acordou, bom dia cinderelo.
- O que aconteceu?
- Aquele fantasma quase matou vocês... se eu demora-se mais... nem gosto de imaginar.
- Como... você...
- Não se esforce para falar, ainda está se recuperando. E vou responder suas perguntas, e já posso imaginar qual seja a primeira. Ela sorriu.
- Fale...
- Bom depois que vocês sairam, eu continuei pesquisando e descobri que ele consegui alcançar seu objetivo, o que fez ele cair no poço foi os espíritos das pessoas que ele sugou a energia. Descobri que a mulher retirou o corpo e o enterrou, naquele lugar mesmo. Eu e o Look, meu parceiro salvamos vocês, e o espantamos para ter tempo para desenterra-lo e queimar os restos.
- Porque... o Sam não acordou...?
- Ele esta cansado, acho melhor você descansar também.
- Mas... - ela o cortou
- DESCANSE Dean.
- Tá...
- Ótimo. Ela saiu do quarto e deixou os Winchester, dormindo, mas logo que amanheceu eles voltaram para a estrada.

Espero que tenham gostado, dessa primeira fanfic. 
Beijos,
                       

Um comentário:

  1. Eu gostei muito de escrever uma fanfic, então em breve posto mais.

    ResponderExcluir

Leia e Comente, sua opinião é muito importante para mim. Caso encontrem algum problema avisem.

Cliquem em "Notifique-me" para saber quando for respondido.

* Os comentários que possuírem link de algum blog terão a visita retribuída