Slide

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

O código Numerati – Andrea Nunes

Editora: All Print
Páginas: 231
Redes sociais: Skoob
Sinopse: E SE DE REPENTE VOCÊ DESCOBRISSE QUE MILHÕES DE PESSOAS ESTÃO SENDO ESPIONADAS NESSE MOMENTO? E QUE TODO MUNDO ESCOLHEU O LUGAR ERRADO PARA GUARDAR OS SEUS SEGREDOS? A descoberta de um grande segredo oculto nas inscrições rupestres do mais famoso sítio arqueológico do Nordeste – a Pedra do Ingá. Um projeto de lei tramitando no Senado que mudará a vida de todos os brasileiros. Um misterioso assassinato com roubo de informações confidenciais. Palavras enigmáticas descobertas na cena do crime que têm uma estranha conexão com mensagens contidas no livro bíblico do Apocalipse. Nesse contexto, uma jovem arqueóloga e um Delegado da Polícia Federal correm contra o tempo e lutam com suas próprias limitações para vencer um inimigo que está sempre um passo à frente, pois tem olhos em toda parte. Num livro que mescla temas polêmicos como espionagem na internet, vida digital, tolerância religiosa e ética na Política, a autora se utiliza de informações históricas e documentos verdadeiros para o enredo dessa trama onde nada é o que parece ser. Já o leitor, vai se envolvendo com os dilemas que tomam conta dos personagens, à medida que eles se aproximam da possibilidade de desvendar uma terrível verdade que poderá mudar para sempre o passado e o futuro da humanidade.

Palavras: Xavier é um brilhante hacker e acaba de fazer uma incrível descoberta. Pena não conseguir terminar o relatório que faria dele um homem conhecido e mudaria a história da humanidade. Isso porque, o pobre rapaz foi asfixiado até a morte.
Carolina uma jovem arqueóloga que está trabalhando na sua tese de doutorado quando recebe um e-mail da senadora Juraci Benevides, com um conteúdo enigmático e instigante. Segundos após receber o e-mail um emissário da senadora está na porta do seu apartamento solicitando que ela o acompanhe a até Brasília para prestar assessoria técnica à senadora Juraci.
Rafael um delegado federal durão e um pouco bruto ao tratar as pessoas, tem experiência com homicídios e agora está foca nos crimes cibernéticos, foi designado para trabalhar no assassinato do Xavier e a pedido da Senadora Juraci, irá ter a assessoria da jovem arqueóloga Carolina.
Juntos, Rafael e Carolina vão trabalhar em um caso que envolve a segurança nacional e a privacidade de todos os brasileiros e seus arquivos mais escondidos. Eles serão levados a pedra do Ingá, um importante monumento rupestre brasileiro e lá descobrirão que a morte de Xavier é só a pequena ponta de um grande “ice Berg” de segredos e mistérios que envolvem nossos antepassados.
A narrativa é ágil e envolvente e quando percebi, eu não conseguia largar o PC (a autora me enviou o pdf) até terminar e desvendar os mistérios. Eu não consegui descobrir quem era o culpado até pouquíssimas linhas antes de ele ser realmente desmascarado... E para ser franca o livro acabou com gosto de quero mais.
A trama foi muito bem amarrada, eu conheço um pouco sobre arqueologia (infelizmente pouco sobre a brasileira) e notei que todos os mistérios trabalham com teorias plausíveis para todos os tipos de pesquisadores, dos céticos cientificistas até aqueles mais alternativos e abertos até ao sobrenatural.
A autora soube cuidar do enredo principal e ao mesmo tempo não perdeu o desenvolvimento psicológico e da vida pessoal de cada personagem. Chegando a conseguir desenvolver um romance que não me pareceu forçado em momento algum. Esse cuidado com a vida pessoal de cada personagem (principal) deu maior veracidade a existência deles. Em meio a isso, foram acrescidas algumas críticas a sociedade e ao uso da internet que achei muito interessantes e que valem maior reflexão de nossa parte.
Os personagens como mencionei, são reais de mais para que eu consiga simplesmente defini-los. Gostei muito da construção deles e torci muito pelo delegado e a arqueóloga, pela senadora, e por certo comendador, que tem um quê de lunático e sábio.
Como devem ter percebido o livro me arrebatou. Gosto muito de história, conspirações, buscas por respostas e claro romance... E em O código Numerati tem tudo isso!
Finalizando quero mencionar que o epilogo me deixou aturdida, pois ele nos instiga a querer descobrir os outros mistérios que envolvem a pedra do Ingá.

Imagem e trecho: 

“- [...] O que não falta é gente maluca, teóricos da conspiração e suas fantasias delirantes rondando esse local e tendo visões, interpretações e teorias fantásticas sobre o que existe nesses desenhos.”





Classificação:

11 comentários:

  1. Oi, Gabby!

    Esse livro parece ser muito bom, mas ainda não me interessei realmente nele.

    Beijos,

    Natalia Leal
    http://www.paginas-encantadas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, Naty! Vale muito a pena conhecê-lo! :D

      Excluir
  2. Oi Anna!
    Não conhecia o livro, mas adoro histórias de conspirações e arqueologia. Parece ser muito interessante!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então esse é o seu livro! Ele está recheado de conspirações e todas estão atreladas a arqueologia.

      Excluir
  3. Oi Anna! Gostei de toda a trama, principalmente pelas conspirações citadas, eu até abriria mão do romance neste caso, mas se tem eu acredito que seja bem dosado, afinal sua resenha foi muito positiva.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O romance é realmente bem dosado, tem aquele clima entre os personagens e algumas atitudes mais românticas, mas nada que atrapalhe o desenvolvimento da trama.

      Excluir
  4. O Livro me pareceu bom, ao menos foi isso que sua resenha passou. Mas o mesmo, sua história não me fez senti muita vontade de ler.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, o livro foi ótimo! Pena não ser o tipo de história que te atraí...

      Excluir
  5. Não conhecia este livro, mas parece ser bem interessante a história é bem atual né.

    beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mega atual! E olha que eu comecei a ler bem na época que foram descobertas as espionagens norte-americanas! rs

      Excluir
  6. Anna Gabby, muito obrigada pela resenha e parabéns pela manutenção desse espaço dedicado à literatura! Quando vejo pessoas jovens como você e o seguidores desse blog discutindo resenhas literárias com tanto interesse e convicção, me convenço cada vez mais que essa geração vai dar o que falar! São pessoas como vocês que mudarão o mundo em que vivemos. Quanto ao próximo romance, está pronto e em fase de revisão, assim que sair a puiblicação, te aviso! Beijos da autora!

    ResponderExcluir

Leia e Comente, sua opinião é muito importante para mim. Caso encontrem algum problema avisem.

Cliquem em "Notifique-me" para saber quando for respondido.

* Os comentários que possuírem link de algum blog terão a visita retribuída