Slide

sábado, 26 de abril de 2014

Simplesmente Ana - Marina Carvalho


 Editora: Novo conceito
Páginas:
Sinopse: Imagine que você descobre que seu pai é um rei. Isso mesmo, um rei de verdade em um país do sudeste da Europa. E o rei quer levá-la com ele para assumir seu verdadeiro lugar de herdeira e futura rainha... Foi o que aconteceu com Ana. Pega de surpresa pela informação de sua origem real, Ana agora vai ter que decidir entre ficar no Brasil ou mudar-se para a Krósvia e viver em um país distante tendo como companhia somente o pai, os criados e os insuportável Alex. Mudar-se para a Krósvia pode ser tentador – deve ser ótimo viver em um lugar como aquele e, quem sabe vir a tornar-se rainha -- , mas ela sabe que não pode contar com o pai o tempo todo, afinal ele é um rei bastante ocupado. E sabe também que Alex, o rapaz que é praticamente seu tutor em Krósvia, não fará nenhuma gentileza para que se sinta melhor naquele país estrangeiro. A não ser... A não ser que Alex não seja essa pessoa tão irascível e que príncipes encantados existam. Simplesmente Ana é assim: um livro divertido, capaz de nos fazer sonhar, mas que – ao mesmo tempo – nos lembra das provas que temos que passar para chegar a vida adulta.

Olá pessoas! Hoje trago a resenha do nacional, Simplesmente Ana, que estava nos meus desejados desde o seu lançamento. A história de Ana, é um clichê ao qual já estamos mais do que familiarizados: a história da garota que cresceu sem pai, e do nada ele aparece e ela descobre que é um rei de um país ao qual ninguém nunca ouviu falar.

Ao ter o pai lançado repentinamente em sua vida, Ana encara o desafio de passar uma temporada na Krósvia, para conhecer melhor o pai e suas origens. Dessa forma foi impossível para essa garota não se assustar com essa nova perspectiva e acabar se encantando com o mundo que encontrou ali. O que despertou a desconfiança de Alex, enteado de seu pai, que julgou desde o inicio que a Ana não passava de uma oportunista.Nessa convivência ela acaba descobrindo que no fim das contas esse garoto hostil, pode não ser tão ruim assim. Mas são muitos os obstáculos dificultaram que Ana encaixe sua vida nos dois mundos aos quais pertence.

Eu tinha muitas expectativas sobre o livro e talvez por isso tenha me decepcionado tanto. A começar pelos personagens que não são carismáticos e a protagonista que estraga todo o livro. Ela é insuportável, superficial e se não fosse a conversa paralela dela comentando cada cena do enredo, a história teria acabado na página 100.

O Andrej, pai da Ana, pouco aparece na história e até mesmo o romance com o Alex demora 60% da história para dar sinas de existência (reais, porque na cabeça da Ana...). Uma das coisas que mais me irritou foi o ódio que a Ana tem da Layka. Gente, ela é que é a namorada do Alex e não a Ana! Por mais que a garota não fosse uma boa pessoa, achei desnecessário ela colocar a moça como bruxa má na história, antes que ela fizesse qualquer coisa.

Eu tive muitas dificuldades em continuar a leitura do livro, porque estava absolutamente sem graça e agüentar a insuportável Ana estava realmente complicado. Apenas nos últimos capítulos do livro foi que consegui me envolver na história.

De positivo posso dizer que Simplesmente Ana é que é um livro que pode ser lido por qualquer pessoa, porque tem uma narrativa informal e simples do começo ao fim. É como se a própria Ana estivesse sentada na sua frente contando a história. Também gostei do uso de expressões do tipo: “Vai ser brega assim lá a casa do chapéu.” (meu pai fala isso! Hahaha), e de citar as músicas de Jota Quest (embora de uma maneira muito pouco crível).

Indico o livro para o público adolescentes.

Trechos:

“Você pode não acreditar, mas o fato de Andrej ser um Rei é um mero detalhe para mim. Não foi esse fato que me fez amá-lo.”

“Sempre ouvi dizer que saudade é uma palavra exclusiva da língua portuguesa. Quando estamos com saudade,m significa que sentimos uma falta tão imensa de alguém que a dor queima no peito. É como se a alma ficasse meio perdida sem a proximidade das pessoas de quem temos saudade."

“Essa constatação foi um banho de água gelada do Oceano Ártico. Sob uma nova ótica – bastante desesperadora – o titulo de cachorra da história havia acabado de ser transferido para mim!”


8 comentários:

  1. Oie flor!!! Nossa que pena que você não apreciou muito o livro. Mas eu simplesmente amei. rsrsr AChei a Ana uma garota forte e decidida, embora as vezes dava vontade de dar uns tapas nela, mas essa vontade passava logo. O Alex é maravilhosos, enfim eu achei a história incrível!

    Beijos!

    Meu Diário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Alex foi o único personagem de quem eu realmente gostei...

      Excluir
  2. Que pena que você não gostou tanto do livro. Eu estou com ele na minha lista de desejados, mas estou esperando a minha expectativa baixar, e o preço também heheheh.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha melhor ler sem expectativas viu, as minhas estavam altíssimas.

      Excluir
  3. ahh!! Achei o livro tão fofo <3 Marina até deu depoiemto para meu e-book que saiu na mesma editora, Novo Conceito - livro digital Feitiço.
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Karolina, eu também li este livro e tive um pouco de dificuldade em me envolver com a história. Eu até ia parar de ler, mas insisti e acabei chegando ao fim. Eu gostei do livro, apesar de ter achado muito parecido com "O Diário de Uma Princesa", claro que muda em algumas coisas, mas existe uma semelhança muito previsível. Mas, acho que valeu a pena a leitura. Adorei a sua resenha e a forma como você se expressa.
    Já virei seguidora do seu blog que além de ótimo é muito lindo.

    Beijos!

    http://palacioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cintia! Realmente o livro se parece muito...

      Excluir

Leia e Comente, sua opinião é muito importante para mim. Caso encontrem algum problema avisem.

Cliquem em "Notifique-me" para saber quando for respondido.

* Os comentários que possuírem link de algum blog terão a visita retribuída